15/06/2012

Blogagem coletiva - 4a. fase - Questionamento

Esta publicação faz parte da minha participação na blogagem coletiva 
Amor aos Pedaços.

Amor aos pedaços
Nesta fase, foi sugerido o tema sobre o questionamento. Achei interessante falar sobre o filósofo Sócrates, já que o mesmo questionava e levava as pessoas
a pensarem sempre. Também falo sobre as diferentes formas do amor.
Confira!

Devemos pensar que nem sempre podemos aceitar as coisas do jeito que nos são fornecidas. A atitude de questionar tem que ser atuante para podermos obter respostas a altura dos nossos pensamentos e questionamentos.
Indagar sempre para que haja crescimento. As dúvidas não podem nos deixar paralisados.

20 comentários:

  1. As diversas faces do amor são sempre pontos de questionamentos, pois nada na vida é linear, surgem surpresas que são pontos para crescimentos pessoais e interpessoais,
    .
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Que post bom, Tê. Ele por si mesmo questionador. Não devemos aceitar coisas como verdades absolutas, por isso questionar é saudável. O amor é muito complexo, por mais que pensemos que basta a reciprocidade para termos entendimento. Mesmo na harmonia é preciso haver questionamentos, para animar, realçar, consolidar a relação. Gostei muito!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Teresinha, acabamos ambas citando Sócrates em nossas participações, rs. Natural, questionar é o próprio ofício do filósofo, rs. Gostei muito de conhecer os tipos de amor :) Um beijo, parabéns pela participação!

    ResponderExcluir
  4. É a dúvida
    que deve nos mover.

    Um abraço,
    Doce de Lira

    ResponderExcluir
  5. Ficou linda a apresentação que fizeste e também a bordagem do tema. Questionamentos devem nos fazer crescer,não? Lindo fds! beijos,chica

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia essa classificação de tipos de amor, mas faz sentido. Se bem que nem toda a gente o encare da mesma maneira, tanto na parte da relação homem-mulher, como em relação a familiares e amigos... :)

    Mas mais que definir, o importante é sentir amor! :D

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  7. Tê querida,
    Que post lindo, super bem feito, tanto nas imagens escolhidas quanto à pesquisa e conteúdo que apresentou!
    Isso mesmo, não devemos nos retrair, intimidar, não questionar. Só assim aprendemos, construimos coisas, seguimos em frente.
    Tenha um lindo final de semana e muitos beijinhos cariocas.

    ResponderExcluir
  8. Isso mesmo, Socrátes fazia os homens pensarem, pra chegar na conclusão sozinhos!Pelo processo de Maiêutica!
    estudei isso período passado! kkkk

    ResponderExcluir
  9. Terezinha,adorei a sua participação,falando de Socrates que foi um grande pensador do assunto!Questionamentos nos levam sempre a mudanças e crescimento!Linda sua msg!bjs e bom sabado!

    ResponderExcluir
  10. Muito bom saber que tem pessoas com conteúdo na blogolândia!!!

    Quem imagina que uma blogueira que fala sobre moda postaria sobre filosofia, sobre Sócrates...

    Só vc pra surpreender desse jeito!!! Bjo

    ResponderExcluir
  11. Bravo Teresinha!!
    Que bom encontrar aqui desenvolviemnto dos subtemas da chamada. Não peguei neles porque fiquei com receio de duplicação, mas estáva avançando nas visitas às participações e lamentando o fato de ninguém ter pegado. Felizmente você pegou!
    Obrigada. Gostei muito.
    Em especial pelo formato de livro.
    Beijinhos além-mar.
    Rute

    ResponderExcluir
  12. adorei a sua postagem,por vezes temos de questionar para poder viver algo de bom, beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Teresinha,

    Acho que o ser humano nunca vai deixar de questionar, principalmente falando do sentimento amor.

    Gostei de ler a citação de Sócrates de uma forma tão profunda.

    Muito obrigada por sua amável visita.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  14. Ficou LINDO, Tê!

    Arrepiei!

    bjnhs e ótima semana!

    ResponderExcluir
  15. Oi Terezinha,
    Com certeza é através do questionamento que chegamos a algum lugar e o amor em algumas situações não permite questionamentos.
    A ação começa no ato da reflexão.
    Uma ótima semana,abraço,=)

    ResponderExcluir
  16. Ótimo tema escolhido,tantos questionamentos...e Sócrates sabia questionar...
    Paz e bem
    Participo da BC

    ResponderExcluir
  17. Arrasou!! Sua postagem está perfeita!!
    Devemos fazer o trabalho do filósofo sempre!! Nos questionando e fazendo com que as pessoas também se questionem! Como bem escreveu Quiroga: "O brilho da mente inteligente consiste em pular de uma certeza a outra, sem pudor de renegar o que antes era afirmado para agregar um novo conceito ao anterior."
    Obrigada por participar mais uma vez da blogagem! Eu estou bem atrasadinha na visita aos blogger amigos...
    Boa semana!! Beijus,

    ResponderExcluir
  18. Oi Teresinha!

    Antes! Estou dando prosseguimento às visitas ao BC Questionamento.

    Agora, sua participação!

    Essa linearidade numa relação me fez lembrar de trecho do meu texto sobre o Filme Comer Rezar Amar, esse:

    "Como citei anteriormente, “Comer, Rezar, Amar” traz várias falas reflexivas, e uma delas vem com a palavra que Liz então escolhe para si. Que para mim, é a que melhor traduziria como deveria ser uma relação a dois: attraversiarmo. É, ela a escolheu na língua italiana. Ela faz a ponte para a união de dois seres distintos. Donos de suas particularidades, um não anulará isso no outro. Saberão encontrar o ponto em comum, e respeitando as diferenças. Mas principalmente, respeitando o parceiro, a união, o porto seguro que farão com essa relação."

    Beijos,

    ResponderExcluir
  19. Adorei o post!

    Não podemos mesmo aceitar tudo da forma como vem para nós. Temos que questionar!!!

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  20. Olá,
    "O tempo foi teu amigo
    Mandava-lhe ventos favoráveis
    Mandava-lhe o orvalho da manhã"...
    (Simone Martins)

    Querida, as interrogações explodem mas as respostas vêm sempre... o amor elucida toda e qualquer dificuldade...
    Cheguei agorinha de uma Missão e passo pra agradecer seu delicado comentário...
    Bjm de paz

    ResponderExcluir

Amei o comentário. Bjs mil. Tê